FECHAR
Popup
 
 
POPUP
AJUDE ESTA OBRA
Quarta-feira é marcada pelo Dia Internacional de Combate às Drogas

Desde 1987, o dia 26 de junho foi instituído pela ONU – Organização das Nações Unidas – como o Dia Internacional de Combate às Drogas ou o Dia Internacional contra o Abuso e Tráfico Ilícito de Drogas, data que tem o objetivo de alertar sobre a importância da prevenção e das consequências provocadas pelo uso destas substâncias em todo o mundo. 

Por este motivo, apresentamos mais informações sobre como ocorre o Acolhimento na Comunidade Bethânia, forma que o Padre Léo sentiu-se inspirado a contribuir com o combate às drogas e a restauração de vidas desfiguradas por estas substâncias. Em quase 24 anos de história a Comunidade Bethânia acolheu mais de 6.500 pessoas. Atualmente Bethânia oferece mais de 170 vagas de acolhimento e atenção a pessoas com transtornos decorrentes do uso, abuso ou dependência de substâncias psicoativas.


Sobre o Acolhimento em Bethânia

O Acolhimento que Bethânia é totalmente gratuito. O acolhido (a) é denominado filho ou filha, pois era assim que o Padre Léo reconhecia-os, além de considerar filhos de um Deus amoroso e misericordioso, tratava-os como Pai. O primeiro passo para se tornar um filho ou filha (a) de Bethânia passa pela etapa do Pré-Acolhimento, que ocorre a partir do livre desejo de ser acolhido, além de assumir os valores e modo de vida comunitária. 

Este atendimento ocorre em todos os recantos, sempre às quintas-feiras, no horário das 14h às 17h, com a presença da equipe técnica, em todos os recantos da Comunidade Bethânia. É neste momento que o futuro filho (a) acompanhado de um familiar ou amigo é apresentado ao projeto pedagógico, as rotinas da vida comunitária, a história da Comunidade Bethânia e do fundador, Padre Léo. Após este primeiro contato, a pessoa retorna para sua residência e com intuito de providenciar a documentação (exames de saúde, atestados médicos, e documentos pessoais) necessária para ser acolhido (a). 

Assim que todos os documentos estiverem reunidos é o momento de entrar em contato novamente com a equipe técnica do recanto que verificará a vaga disponível. O acolhimento ocorrerá mediante disponibilidade, de preferência no recanto mais próximo da residência do filho, para que a família possa visita- lo (a) e também participar de ações de fortalecimento de vínculos e das etapas de restauração e reinserção social. Haverá exceções para os casos que inspirem mais atenção diante da urgência e da segurança do acolhido. 

 
Indique a um amigo
 
 
Notícias relacionadas