FECHAR
Popup
 
 
POPUP
AJUDE ESTA OBRA

Comunidade Bethânia

A partir de experiências pessoais enquanto sacerdote da Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus, Pe Léo sentiu no coração a inspiração para fundar a Comunidade Bethânia. Dentre tantos trabalhos que exerceu, foi diretor no Colégio São Luiz, em Brusque (SC), onde também prestou atendimento espiritual às famílias e jovens da região.

Durante os atendimentos, Pe Léo notou que o problema das drogas era a urgência a ser combatida. Assim, sentiu a necessidade de proporcionar a essas pessoas um lugar e um ambiente que revelasse um jeito novo de viver, saudável e pleno.

Inspirada na Bethânia bíblica, olhando para os irmãos, Marta, Maria e Lázaro, a Comunidade nasceu como casa de acolhida dos diversos marginalizados da sociedade que procuram um novo jeito de viver.

Nesta perspectiva, a Comunidade Bethânia não é um centro de recuperação e nem uma clínica onde se internam pessoas para tratamento. Bethânia é um recanto que procura acolher a cada um que chega como o próprio Cristo.
Em resposta ao apelo do Espírito Santo ao coração do Pe. Léo, muitas pessoas abraçaram esse mesmo ideal. Em São João Batista (SC), Pe. Léo foi presenteado com um terreno onde a Comunidade Bethânia concretamente iniciou os trabalhos de acolhimento em 12 de outubro de 1995.

Desafios que motivaram o surgimento de Bethânia

- O grande número de dependentes químicos na região
- O aumento do número de soropositivos
- O grande número de adolescentes grávidas, solteiras, que são abandonadas
- O crescente número de menores abandonados nas periferias das cidades
- A necessidade de uma ação concreta de promoção social e um sério trabalho visando a transformação da sociedade
- A necessidade de um ambiente apropriado para uma retomada de vida através da pregação de retiros espirituais e cursos que ajudem na redescoberta de um novo sentido para a vida.

Comunidade Bethânia“Devemos acolher cada pessoa que vem até nós como acolheríamos o próprio Jesus”

Pe. Léo, scj