POPUP
AJUDE ESTA OBRA

Vocação: um chamado à vida plena

Vocação | 10 de Setembro 2018

É preciso prestar muita atenção para entender o que o Senhor diz por meio das pessoas, palavras e sinais que vão surgindo. Não se deixando levar pelo medo, insegurança ou, ainda, por não encontrar uma possibilidade ou um jeito melhor para seguir e viver.

Vocação: um chamado à vida plena

Alguém chama, Ele me ama
E me conduz e me quer feliz 
Ele fala, só escuto, paro mudo 
E o que Ele me diz 
Vem me seguir que eu caminho 
Junto com você ao fim 
Depois da caminhada você é feliz 
Se deixas todas as coisas só por mim, por mim
(Música: A Caminhada -  Pe Léo)

Esta canção tantas vezes rezada pelo nosso querido Padre Léo, e que embalou muitas de suas pregações, exprime o verdadeiro desejo de Deus de felicidade para cada pessoa. Deus é o primeiro interessado na felicidade e realização de todos. Por isso, Ele chama, ama e conduz o ser humano nos caminhos desse mundo. 

Melhor do que ninguém, Ele sabe como a caminhada é árdua e desafiadora. Não nos deixa só na caminhada, pelo contrário, caminha junto até o fim. Ele mesmo nos diz: “Não tenham medo, eis que estarei convosco todos os dias até o fim dos tempos”.

O CHAMADO A SERVIR

As possibilidades de seguir o Senhor são várias, porém, precisam ser discernidas com cuidado e atenção. Para isso, é preciso entender que vocação é um chamado de Deus para servir a Deus nos irmãos. E é nesse seguimento e nesse serviço que o ser humano encontra sua felicidade e sua realização. 

É bonito perceber que é natural da pessoa, sobretudo, na juventude, o desejo de doar-se pelos irmãos. É o Papa mesmo que o revela na sua mensagem, por ocasião da 40º Jornada Mundial de oração pelas Vocações: "Existe no coração de muitos jovens uma natural disposição a abrir-se ao outro, sobretudo, aos mais necessitados. Isso os torna generosos e capazes de empatia, dispostos a esquecerem de si mesmos para antepor o outro aos próprios interesses".

É um completar-se em Deus a partir dos irmãos e nos irmãos. Na Igreja, pode-se viver sua vocação como sacerdote, consagrado, consagrada (irmãos religiosos e irmãs religiosas) na vocação matrimonial e, ainda, na vocação missionária. Hoje, na Igreja, é possível viver também a consagração em uma comunidade de vida, na busca de viver como os apóstolos viveram. 

O SACERDÓCIO

Como sacerdotes, na entrega total de si, procuram anunciar a palavra, ministrar os sacramentos como instrumentos da pessoa de Cristo presente. Agindo no mundo, amando, perdoando e acolhendo a cada um. O sacerdote procurar viver como o próprio Jesus viveu, enquanto peregrino nesta terra, com a mesma força, entusiasmo e alegria.  

O MATRIMÔNIO

Famílias santas também é o desejo do nosso Deus. Matrimônio não é para quem não sabe que vocação seguir. Pelo contrário, é uma escolha cuidadosa. Partilhar a vida com quem você não ama de verdade é muito dolorido. Por isso, Papa Francisco orienta a boa vivência do namoro e do noivado como fase de conhecimento, descoberta um do outro em um lindo construir de um projeto de vida. 

Francisco ressalta: “Certamente é uma coisa bonita que hoje os jovens possam escolher se casar na base de um amor recíproco. […] O noivado, em outros termos, é o tempo no qual as duas pessoas são chamadas a fazer um bom trabalho sobre o amor, um trabalho participativo e partilhado, que vai em profundidade”. É preciso sintonia entre o casal, a famosa química, querer estar perto e construir um verdadeiro lar de partilha de vida com a pessoa amada. É completar o outro para, juntos, se completarem em Deus. 

A VIDA CONSAGRADA

Como consagrados e consagradas, existe na Igreja a necessidade de pessoas que tenham a coragem de consagrarem-se a Deus por inteiro na vida diária. O consagrado é o separado para Deus. Precisamos de homens e mulheres que, com seu testemunho, revelem o amor simples e transformador de Deus pela humanidade. Pessoas que no cotidiano da vida tenham coragem de responder com a santidade de vida ao amor de Deus derramado em seus corações pelo Espírito Santo.

Pode-se viver a vida consagrada em um Instituto ou Congregação Religiosa nos moldes que a Igreja, por anos, já tem adotado de forma celibatária. Ou, então, diante da corrente de graças que o Espírito suscitou na Igreja, viver a consagração em alguma Comunidade de Vida, como é a realidade das Novas Comunidades, tanto de forma celibatária como em família. 

Por exemplo, um consagrado completa-se na doação de sua vida em uma comunidade com um carisma próprio. Na Comunidade Bethânia, nosso carisma é o acolhimento e a evangelização, o consagrado completa-se na doação da vida a Deus acolhendo dependentes químicos e testemunhando o evangelho na vida. Na Comunidade Canção Nova, seu carisma é a evangelização a partir dos meios de comunicação, e assim as demais comunidades, cada qual com seu carisma. 

A Vocação Missionária faz com que as pessoas deixem sua terra para anunciar a Palavra e a presença de Cristo em terras distantes. Abrem-se a uma nova cultura e um novo jeito de viver para, na convivência, anunciarem o amor de Deus e o Reino dos Céus. 

UM CHAMADO À VIDA PLENA

À luz dessa realidade, constatamos que realizar uma vocação é também alcançar vida plena. É procurar ser inteiro, completo como pessoa, vivendo o sonho que Deus revelou a cada um. Esse processo se dá pela escuta e pelo discernimento da vontade de Deus em nossa vida. 

É preciso prestar muita atenção para entender o que o Senhor diz por meio das pessoas, palavras e sinais que vão surgindo. Não se deixando levar pelo medo, insegurança ou, ainda, por não encontrar uma possibilidade ou um jeito melhor para seguir e viver. 

Lembre-se: Deus lhe chama para um caminho de felicidade e realização. Ele nunca disse que seria fácil, mas garantiu Jesus: “Com toda a certeza vos asseguro que ninguém que tenha deixado casa, irmãos, irmãs, mãe, pai, filhos ou bens, por causa de mim e do Evangelho, que não receba, já no presente, cem vezes mais, em casas, irmãos, irmãs, mães, filhos e propriedades, e com eles perseguições; mas no mundo futuro, a vida eterna” Mc 10,29-30.

Seguindo a canção, Ele espera uma resposta. Vamos Seguir Jesus? Venha ser feliz! Mande um e-mail para vocacional@bethania.com.br e vamos juntos discernir o que Deus tem sonhado para você. 

Ele quer uma resposta
Todo dia de você irmão 
É difícil a caminhada 
E por isso, ele lhe estende a mão 
Vem me seguir que eu caminho 
Junto com você ao fim 
Depois da caminhada você é feliz 
Se deixas todas as coisas só por mim, por mim 
Vem me seguir que o meu caminho 
É o da porta estreita, sim
Porém ao acabar junto de mim
Você vai entender por que é bom, é bom servir” 
(Música: A Caminhada -  Pe Léo)

 
 
Deixe seu comentário
Compartilhe
 
 
 
 
 
MAIS DE Vocação